terça-feira, fevereiro 19, 2008

Tapioca


A CPI da Tapioca - apelido recebido pela Comissão Parlamentar de Inquérito que investigará o uso dos cartões corporativos do governo Lula - ganhou adeptos no comércio de Brasília.

A tapiocaria O Paraíba, uma das casas mais tradicionais do gênero na capital federal, resolveu aproveitar o frisson em torno da criação da CPI para lançar a "tapioca do ministro", como a principal atração do menu.

Trata-se de uma alusão à tapioca comprada com cartão corporativo, aquele destinado a gastos emergenciais, pelo ministro dos Esportes, Orlando Silva. O gasto, de R$ 8,30, foi feito em um concorrente, a tapiocaria Maria Bonita.

Há 20 dias, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, ao falar das pressões pela instauração da CPI, ironizou: "O Congresso é quem decide. Mas não é o caso. Imagina convocar um ministro para explicar por que comeu tapioca. Vai virar a CPI da Tapioca."

IGUARIA

Ao lançar a última novidade da iguaria - também a R$ 8,30 -, O Paraíba informa que a "tapioca do ministro" tem sabor de pizza, mas só pode ser comprada com pagamento em dinheiro. No estabelecimento, não se aceita o dinheiro de plástico do governo, deixa claro o banner esticado na porta do comércio e flagrado ontem pelo Estado.
(Estado de São Paulo)

Tapioca sabor pizza. Hmmmmm...

4 comentários:

malu disse...

Eu adoro tapiioca. Prefiro recheada com carne de sol, requeijao e tomate. Hummm
Agora la no Congresso so tem CPI ops tapioca sabor pizza. "Brasileiro eh tao bonzinho."

hashmalim disse...

Hum acho que vou visitar a Malu pra comer essa iguaria.De acordo com a Malu: Brasileiro é tão bonzinho" e acrecento coloque "bonzinho" multiplicado!

Vivi disse...

Olha... tapioca na Candangolândia tá é muito cara. No tio aqui da esquina custa, em média, R$ 2!

Túlio disse...

Aqui é tudo caro, Vivi.