quarta-feira, agosto 20, 2008

Comprei meu carro


Carro escocês movido a uísque acelera de 0 a 100 em menos de 4 segundos
(Do G1 )

A destilaria escocesa Bruichladdich afirma ter criado o primeiro carro do mundo que só anda com o tanque cheio de uísque.

O Radical SR4, fabricado na Inglaterra e adaptado na Escócia, precisa ser abastecido com o uísque X4, considerado o malte mais alcoólico do mundo.

Com o uísque circulando "nas veias", o veículo esportivo acelera de 0 a 100 km/h em 3s50. O desempenho é semelhante ao obtido por um Radical SR4 comum, que utiliza gasolina.

A diferença é o preço: por mais que o petróleo esteja valorizado, um litro de gasolina passa longe dos cerca de R$ 70 cobrados por uma garrafa do uísque.

6 comentários:

Fábio Mayer disse...

O problema todo é o proprietário não ceder à tentação que colocar um canudinho no tanque e vamo nóis!

malu disse...

Nada a ver com o post mas...Acabei de falar com uma amiga que mora na Espanha. Trsite acidente acidente aereo que ocorreu la me fez recordar o Brazil.

1-As caixas pretas ja foram encontradas e entregues as autoridades;
2-O ministro do Interior Spanhol e o Prefeito da Capital chegaram ao local do acidente 30 min apos o ocorrido;
3-Os familiares das vitimas e todas as pessoas que se encontravam no aeroportos receberam e recebem noticia precisas a respeito do acidente;
4-Todos os hospitais morgues e medidos legistas do pais teram que trabalhar em turnos ineterruptos para que ocorro a identificacao das vitimas num prazo menor possivel;
5- Zapateiro ao ser informado interrompeu suas ferias e eh aguardado a qualquer instante no aeroporto;
6-O Rei Juan Carlo ja eniou mensagen as vitimas e sua visita e esperada a qualquer momento;

Enquanto isso os brasileiros discutem: futebol, musica, selecao, olimpiadas, sabem tudo de carnaval...

As vezes me pergunto sera que esse pessoal que sabe tudo, sabe quanto custa um litro de leite? 1 Kg de arroz? Quanto pagou de energia eletrica no mesm passado?

"Brasil um pais de tolos."

Fábio Mayer disse...

É Malu,

Mas o avião era um modelo antigo que, consta, deu problemas pouco antes de iniciar o procedimento de decolagem, e havia a ameaça de greve da empresa Spanair, por alguma razão ainda não explicada.

Falamos do apagão brasileiro, mas nos outros países, ele também ocorre... não diminui da responsabilidades de nossas autoridades, mas mostra que incompetência não é exclusividade nossa.

malu disse...

Eh por isso que eu "admiro" os brasileiros.
"Nois fais mais eles tabem fazem.", "Nois faz parte do primeiro mundo nem que seja nos desastres."

E ate agora nao ouvi nenhum especialista acusar a crew e sim possiveis falhas no aviao, que era antigo mas de excelente qualidade. Tambem ja chegou na Espanha uma equipe de americanos, que foi dispensada pelos brasileiros, para investigar o acidente.

Fábio Mayer disse...

O que eu quis dizer é que é fácil apontar para o Brasil e dizer que as coisas aqui não funcionam. Mas o fato é que nem todo mundo pode fazer isso, e os espanhóis é que não estão na lista dos que podem.

Se o avião da Spanair apresentou problemas antes da decolagem, deveria parar, descarregar os passageiros e colocá-los em outra aeronave. Não o fez, violou regra básica da aviação.

malu disse...

A diferenca fica por conta da apuracao e das aplicacoes das leis existentes.

Eu me indigno ao ver que nos os brasileiros aceitarmos pacificamente os "resultados" das "investigacoes" de qualquer crime. Aceitamos que nossas atencoes sejam desviadas por nada.

Nem durante os tempos mais duros da ditadura houve um aparelhamento tao grande da imprensa que emudece e presta ao jogo do poderosos do momento.
Fico indignada ao ver o meu dinheiro ser aplicado em escolas que formam "ventrilocos" que ficam anos e anos repetindo a mesma cantinela.
A cada instante no nosso pais temos "regras basicas" violadas. Bom mas como diria Luiz Ayrao:
"Se ai na terra tao jogando futebol, se estao dancando rock n'roll..
Sinceramente.
Essa gente eh masoquista."