sábado, março 03, 2007

30 dias...

Bom crianças,

Sinto informá-las que passaremos um mês inteirinho nos vendo com uma frequência fora do comum. É que eu consegui, a muito custo, uma licença médica. Tudo o que eu precisei fazer foi ser atropelado ontem à noite. Quebrei a perna. Meu agressor fugiu sem prestar socorro. Coisas de Brasil...

O fato é que vocês vão ter que aguentar um mês de besteiras.

QUAAACK !!!! Cof cof cof....

27 comentários:

Julia disse...

Tulinhooo,você esta dodoi e deve repousar.Que triste você ter sofrido acidente! Espero que você se restabeleça rapido!Beijinho pro doente.

Leticia disse...

Bem, dá pra ver que não foi nada grave! Você está no hospital ou já está em casa? Uma beijoquinha, viu? Desejo pronto restabelecimento.

Túlio disse...

Tô em casa, Letícia e Júlia. Mas o cara meio que maastigou minha perna. Mas tudo bem. Daqui a pouco tô bão.
Só o tempo de falar bobagens com vocês.

Isso sim é curativo...

Túlio disse...

E mais: vou ficar um mês longe do trabalho, coisa que já há algum tempo me incomoda.
Mas acho ótimo pois vou estar com vocês (sem puxação de saco!!!)

malu disse...

Tulio.

Foi a perna ou o pulmao?
Espero que voce tem sido atropelado por um "carro" nao por um "carrinho qualquer" olha a categoria.kkkkkkk!!!!!!!!

Bom que voce fique bom logo, tome bastante leite, coma bastente yogurt nao se esqueca q vc needs calcium.
kisses.

Fábio Max disse...

Aí Tulião!

Espero que se recupere logo!

Bem, tentarei ser engraçado, quem sabe isso o reconforte desses primeiros dias chatos de recuperação.

Já fui atropelado 3 vezes.

Na primeira, eu tinha 8 anos de idade de uma Veraneio (vocês sabem o tamanho de uma Veraneio?) me pegou em cheio, freando tudo o que podia... bati a cabeça e fiquei lelé pro resto da vida, como vocês bem já descobriram.

Na segunda, eu ia em direção à casa de um amigo, estudar para uma prova de Direito Tributário. Atravessando uma rua que havia mudado de sentido naquela semana, fui pego de cheio por um Chevetão (na época, carrão). Dizem os relatos que eu subi uns 2 ou 3 metros no ar e por obra do destino não caí de cabeça mas de ombro... sei que a moça que dirigia o Chevete ficou tão nervosa que no caminho do pronto-socorro quase bateu outra vez. Chapa daqui, uns 3 médicos foram me perguntar se eu sabia onde estava e coisa e tal, não encontraram nada quebrado e fui liberado... no dia seguinte, mesmo todo cheio de escoriações, resolvi fazer a tal prova. Tirei 9,5...ahahahahah... o choque da cabeça me fez subitamente entender de Direito Tributário...mas só foi naquele dia, depois, voltou ao normal.

E na terceira, eu atravessava uma rua, como sempre sem olhar para os lados quando senti algo esbarrando em mim...olhei para minha direita e vi um motoqueiro dando de cabeça no chão para a esquerda e a moto dele para a direita...fiquei em pé, ali, no meio da rua, sem saber direito o que fazer. O resultado é que chamei o motoqueiro, disse para ele que a culpa foi minha mesmo, perguntei se ele tava bem e coisa e tal e paguei uns quebrados para ele arrumar a moto... mas levei uma bronca da namorada (bons tempos em que eu tinha namorada!) e, no dia seguinte, uma incrível marca roxa na barriga... parecia a camisa do Boca Juniors vista num negativo!

Como todos podem ver, o Túlio é o cara! Ele tem humor melhor que o meu, se dá melhor com o sexo feminino (basta olhar a filha de garotas que sempre o segue), e principalmente, sabe andar na rua melhor que eu (pudera, sou um suburbano de Rio Branco do Sul!)... até porque, ele não foi culpado do atropelamento e eu fui culpado de pelo menos 2!

Mas meu anjo da guarda é mais eficiente!
=)

Liga pra isso não Tulio, coisas da vida, fico feliz que não aconteceu nada de pior!

Abraço!

Túlio disse...

Malu,

foi um carrro sim. Certeza. Mas elee não me acrescentou nada. Talvez uns pinos...

Túlio disse...

Fábio,

Fá quebrei a cabeça, mas foi por minha completa culpa (um poste me atravessou o caminho quando eu empinava um papagaio (pipa). Mas nessa eu não tive culpa. Pelo contrário, nem vi o que aconteceu. Mas tô na área. still standing...

malu disse...

Fabio.

Doeu muito!? Coitadinho de voce, desde pequinininho sendo "amassado" curelmente por esses "mostros" de acos.
Beijocas, continue fofo como sempre e fique bem alerta ao atravesar a rua, voce eh muuuiiito importante para nos.
Voce esqueceu que voce eh o GALA DO BLOG!?

Julia disse...

Querido Tulio,

Fico satisfeita que você esteja na area.Significa que você esta indo melhor!

Beijinho pra você.

Julia disse...

Fabio,

A Malu tem razão, faça atenção com você.Não queremos perder o GALÃ DESTE BLOG!

Beijinhos pra você tambem.

Leticia disse...

Você levou pinos, é? Está com aqueles andaimes parafusados? Quanto tempo ficará assim? E nós, como é que ficamos?

Túlio disse...

Letícia,
Ainda tô te esperando pra cuidar de mim...

Vivi disse...

Túlio, que coisa mais chata!
Liga não que esse aí que te atropelou vai perder o mandato e as mordomias (como você está em Brasília e o comportamento do atropelador foi desprezível, só posso concluir que se tratava de um político). Tô rogando praga mesmo!
Fica bem, tá? E qualquer coisa grita!
bjs

Túlio disse...

não posso gritar que dói...

Leticia disse...

Ô, meu filho, agora que retomei o batente depois de um estágio de enfermeira, meu nego (repara não, estou lendo a Carmen Miranda do Ruy Castro)!!!!!!. Mas diga, o que posso fazer por você aqui de SP mesmo? Falando sério, você está com parafusos ou só engessou a perna?

Fábio Max disse...

Malu,

Sabe que nem doeu? É engraçado... bati a cabeça, enfaixei o braço, fiquei com aquela marca na barriga, mas não lembro de dores fortes, até porque nunca quebrou nada...

Mais dolorido que isso tudo foi a dor de cotovelo de ver o Coxa caindo pra segundona em 2005 e o fora que levei de uma namorada que depois eu descobri que tava me chifrando com um cara casado...doeu muita a testa... ahahahahahahahha!

Como disse: meu anjo da guarda é bom pra caramba! ... me tira de cada enrascada!

Túlio disse...

Letícia, liga não. Tô legal. É só um mês de molho. Sem parafusos. Mas bem que eu precisava de uma enfermeira...

Leticia disse...

Fala com a Shirlei (ihhhhhhhhh!)

Túlio disse...

ó o ciúme!!!

malu disse...

Fabio.

Essa "dor de testa" eh a pior dor que existe. Jah senti ela uma vez. Ainda bem que ela nao mata soh nos torna mais "descrente" e desconfiados.

O bom eh que existe remedio para curar ela, um novo e sincero amor, ainda bem que eu encontrei o meu remedio. "O Maridao", to torcendo para voce encontrar seu "remedio" tambem.

malu disse...

Leticia.

Seja "compreensiva"! O Tulio ta dodoi.

Túlio disse...

É, Letícia!
Eu tô dodói!!

Fábio Max disse...

Cadê a Shirlei para entrar nessa discussão?

Só depois dela se manifestar é que vou pedir pra Letícia dar uma chance pro Túlio dodói.

Malu,

É verdade o que disse... o remédio é esse mesmo.

Mas sendo beeeemmm sincero, doeu menos o galho na testa que a queda do Coxa pra segundona!

Leticia disse...

Fabio Max querido (olha só quem fala): vá à luta. Como a Malu disse, só um novo amorrrrrrrrrr. Mas não busque ninguém pra compromisso, por enquanto. Não vá procurar em single bar. Não vá em balada. Não vá em igreja. Ao contrário do que mamãe dizia, amor a gente acha é na rua mesmo. De preferência de dia. E mais de preferência ainda na hora do almoço.

Túlio disse...

Letícia,
Quer almoçar comigo?

palhaço disse...

Se eu puder ir junto, Túlio. Só assim a Leticinha vai almoçar com você.