segunda-feira, março 26, 2007

Qual o caminho?

Contam que no mais alto pico do Tibet vive o mais sábio homem do mundo.
Certa vez um rapaz foi à sua procura e perguntou-lhe:
- Mestre dos Mestres! Qual o caminho mais curto e seguro para o coração de uma mulher?
O mestre respondeu-lhe:
- Não há caminho seguro para o coração de uma mulher, filho. Só trilhas à beira de penhascos e caminhos sem mapas cheio de pedras e serpentes venenosas...
- Mas, então, Mestre... O que devo fazer para conquistar o coração da minha amada?
Então disse-lhe o grande guru:
- Não cuspa no chão;
- Não coce o saco na frente dela;
- Não arrote alto. Aliás, não arrote;
- Dê flores e muitos... muitos presentes;
- Corte e limpe as unhas. Não coma as unhas;
- Não peide sob o cobertor. Aliás, não peide.
- Levante a tampa do vaso antes de mijar.
- Deixe ela ter ciúme de você, ela pode;
- Use desodorante (que preste);
- Dê descarga depois de sair da privada;
- Não fale palavrão;
- Não seja engraçadinho com os outros;
- Não fale mal da mãe dela. Aliás, ame a mãe dela;
- Não tenha ciúme dela;
- Não fique barrigudo. Aliás, não engorde;
- Não demore no banho;
- Não chegue tarde em casa.
- Saia para trabalhar e volte correndo;
- Não beba até tarde com amigos. Aliás, não tenha amigos
- Não seja pão-duro, use pelo menos 2 cartões de crédito;
- Não diga que mulher não sabe dirigir;
- Não olhe para outras mulheres... Aliás, não existem outras mulheres;
- Aprenda a cozinhar;
- Diga "Eu te amo" pelo menos 05 vezes por dia;
- Lave a louça;
- Ligue para ela, de qualquer lugar;
- Deixe ela conversar durante horas ao telefone;
- Não ronque;
- Não seja fanático por futebol;
- Faça a barba todos os dias para não arranhá-la;
- Nunca reclame de nada;
- Repare quando ela cortar o cabelo, mesmo que seja apenas as pontinhas e diga sempre que ficou lindo...
- E o mais importante, meu filho... - Filho...espere...volte aqui... NÃO... NÃO PULE...!!!

42 comentários:

Leticia disse...

Mas... me diga, Túlio, como o homem mais sábio do mundo diz "mijar"?
Essa palavra é horrível!

Assim:
Até os 6 anos, é "fazer pipi".
Depois disso (adolescência e juventude), "vamos ao banheiro", sem maiores detalhes, porque achamos que só nós fazemos essas coisas.
Quando vem a idade da razão e a certeza de que todos os serem humanos são iguais, mas mesmo assim o mundo pode ter uma certa salvação, "precisamos fazer xixi".
Quando ficamos velhos e sob controle dos filhos, e não saímos do consultório médico, dizemos "eu tenho urinado nas calças".

Disse isso no caso das mulheres, porque os homens começam bem (o neném fez pipi) e depois degeneram pra "mijar" pro resto da vida, só dizendo "urinar" quando está na frente do doutor. Tem alguma sutileza fontética em "mijar" que torna os homens mais machos? Alguém pode me responder?

Túlio disse...

Sei não, Letícia.
Só sei que é assim.

Reinaldo G disse...

EU entendo da alma feminina.
Eu lhes digo que para chegar ao coração de uma mulher, basta ser lindo (como EU).
Essa fábula está errada.

Julia disse...

Leticia,

Adorei seu comentario que é muito pertinente quanto ao fato da utilização dos termos ou de palavras em determinada situação.

Eu em particular NUNCA gosto do uso de palavreados como "mijar" nem "xixi"nem....Prefiro dizer ou me referir ao fato dizendo "vou" ou "foi" ao toilette.Acho que os detalhes no toilette, pertence unicamente a pessoa que foi ao toilette.No caso da situação das pessoas idosas que encontram problemas na micção descontrolada,eu particularmente prefiro não detalhar a situação em que se encontra a pessoa por questão de respeito as angustias que o ato descontrolado, possa causar em termos de sentimentos mitijados com humiliação etc...

Sou dificil nestes assuntos,por que é na banalidade do assunto e na forma de expressar pra designar algo é que vejo a elegancia de alguem.Um vocabulario vulgar as vezes torna-se como violação da harmonia que existe dentro de alguem...Talvez não tenha sabido me explicar correto...você pode restruturar meu comentario.

Vivi disse...

Ahh essalista está muito incompleta!
Que mestre mais fuleiro!

Leticia disse...

Essa lista está incompletíssima, Vivi! Tanto é que o cara esperou pra pular só no final.

Julia, é claro que minha classificação está carregada de falta de elegância. Mas eu não teria como me explicar de outra forma. O que procurei fazer foi um levantamento da terminologia das pessoas ao longo da vida. Mas, olha só a curiosa diferença entre Paris e São Paulo/BR: aqui, "ir ao toilette" ou é dito por pessoas muito refinadas ou é coisa de social climber de última categoria. O que parece menos errado aqui é dizer "ir ao banheiro", simplesmente. Agora, "mijar" é pavoroso mesmo, não tem perdão nem em conversa de botequim.

Leticia disse...

Reinaldo G, deixa o Tulio postar uma foto sua, pra gente saber como você é, vai!

Julia disse...

Reinaldo G.

Acho que pra chegar na alma femenina,não é nescessario ser lindo.Alias a lindeza plastica, nunca deve ser o "criterio", pra se chegar na alma de uma mulher.Se você encontra mulheres que goste de você somente pela sua beleza plastica,corra longe dela ou corra pra perto dela se você quizer viver no mundo vazio...!

Reinaldo aqui meu mail:jupalmeiraslia@yahoo.com.br/gosto de fazer amizade e se você quizer, pode mandar um mail pra mim que lhe respondo.Abrs

Julia disse...

Leticia,

Eu compreendi perfeitamente que você fez uma analise da realidade de alguem ao long de la vie.

Gostei muito da analise que você fez e não misturei o texto com sua maneira de ser.Quando falei na elegancia do vocabulario me referi em termos gerais e não a sua pessoa OU a especifico a seu comentario. Quiz me referir ao conteudo da lista que esta no post do Tulio.

Acho muito interessante abordar assuntos como estes do post E é claro que as vezes um sabio tambem pode ser alguem que faça uso do vocabulario adequado em função do grau intelectual da pessoa a quem ele vai expor algum conselho...

Quanto ir ao toillete, acho mesmo que seria preferivel se ausentar sem dar explicações...e os outros não devem ser muito curiosos em detalhes quanto a "tal ausencia" momentanea...

Túlio disse...

Mas devemos conferir pra ver se a pessoa lavou as mãos ou não. Né?

Julia disse...

Reinaldo G.,

A ideia da Leticia é otima!Mas podemos compreender se você quizer mandar sua foto por mail, pra que possamos lhe conhecer.A particularidade do blog do Tulio é justamente o contacto amical entre os frequentadores não é Tulio?????

Túlio disse...

Certíssima, Júlia.

Julia disse...

Tulinho,

Acho que não devemos conferir se as mãos foram lavadas hehehe imagina conferir...

Leticia disse...

Eu acho que 75% da população não lava a mão quando sai do banheiro.

Túlio disse...

Creeedo!!!

Julia disse...

VIVI,

Você confere se as mãos das pessoas estão lavadas??? Imagine 75°/° de pessoas que não lavam as mãos????

Tulio,

Imagine os milhões de microbios encontrados nos salgadinhos ofertados nos bares!!! pesquisa cientifica ja mostrou o quanto existe microbios nos tais sagadinhos porque as pessoas não lavam as mãos na volta do toillete!

Vivi disse...

Júlia,

Além de romântica, eu sou uma otimista incorrigível. Portanto, eu sempre acredito que as pessoas tiveram a fineza de lavar as mãos. De todo modo, faço a minha parte: as minhas estão sempre limpinhas.

Leticia disse...

Ai, Vivi, você é tão bonitinha! Dá gosto de ver.

Como usar um banheiro público "normal":

1) Abra a porta segurando em qualquer lugar bem longe da maçaneta.
2) Lave as mãos, e feche a torneira com um papel-toalha.
3) Abra a portinhola do banheiro propriamento dito com outro papel-toalha. Feche por dentro do mesmo jeito.
4) Despreze, com cuidado e com mil dedos, a ponta do papel higiênico no rolo. Depois disso, pegue sua cota e reserve.
5) Jamais, jamais de la vie sente no vaso. Se for fazer xixi, posicione-se de tal modo que ele escorra pelo tobogã, para evitar respingos vindos da água.
6) O número 2 está fora de cogitação em locais públicos. Vire-se.
7) Pegue mais um pouquinho de papel higiênico para dar a descarga sem ter de tocar diretamente na válvula.
8) Pegue mais um pouco de papel higiênico para abrir a porta.
9) Lave as mãos e enxugue com duas unidades de papel-toalha. Uma vez secas as mãos, pegue mais uma unidade de papel-toalha para abrir a porta geral do banheiro. Deixe-a aberta. Antes de sair, jogue fora esse papel-toalha e não toque em mais nada.

Túlio disse...

"posicione-se de tal modo que ele escorra pelo tobogã"

kkkkkkkkkkkkkkkkk

Fábio Max disse...

Tem coisas que até dá pra segurar mas, não sou perfeito, não adianta:

Não falar palavrão.

Como isso? É impossível viver sem mandar um corno que me fechou na rua ir TNODC, ou bronquear com o computador chamando-o de computadot FDP, como se ele tivesse uma mãe... Não dá!

Não ser engraçadinho.

Este comentário já comprova que não dá!

Não ter ciúmes.

Quer dizer que qualquer FDP do C pode relar com minha mulher e tenho que ficar quieto? Não dá!

Não ficar barrigudo.

Numa era em que existem trocentos tipos de cerveja, McDonalds e fast-food? Não dá!

Usar 2 cartões de crédito.

DInheiro não cai do céu. Não dá!

Cozinhar.

Vale ovo frito e esquentar pizza no microondas? Acho que dá, é só ter boa vontade!

Ligar para ela.

Definitivamente, telefone cansa. Não dá, a não ser no começo do namoro!

Não ser fanático por futebol.

Bem, aqui há uma explicação. EU não sou fanático por futebol, sou fanático pelo Coxa (Coritiba Foot Ball Club) o que não é a mesma coisa, porque todo mundo sabe que o Coxa joga algo parecido com o futebol, mas não é futebol. Mas se houver confusão entre o Coxa e fanatismo pelo futebol, não dá!

Leticia disse...

Fábio, olha só, me ajuda a entender: meu pai sempre foi um corinthiano discreto e descrente, porém fervoroso lá no íntimo. Até aí, tudo bem. O problema é que ultimamente ele deu pra ver TODOS os jogos, seja lá quem for contra quem for, e nos jogos do Curingão ele invariavelmente diz que o juiz roubou. Ele tem 80 anos e no mais é lúcido à beça. O que faço? Como me comporto da próxima vez que ele vier reclamar comigo que o juiz roubou?

Túlio disse...

Chame o juiz de FDP que fica tudo certo.

Fábio Max disse...

Lets,

Moleza: Concorde com ele, xingue o juiz, dê pulinhos de raiva com ele!

Quando você fizer isso pela terceira vez, não terá mais graça falar pra você que o Coringão foi roubado. Vai por mim!

Leticia disse...

Vou seguir o conselho de vocês. Digo mais: como boa filha que sou, assistirei o próximo jogo do Timão inteirinho com ele. Mas assim, ó, na participaçção meeeesmo!

Fábio Max disse...

Diga pro seu pai torcer pro São Paulo...ou melhor, diga para ele torcer pelo Coxa!!!

Daí, fica per-fei-to!

Leticia disse...

Daí ele me expulsa não de casa (já que moro no mesmo prédio, mas em outro apê). Ele me expulsa do bairro!

Fábio Max disse...

=(

Aposto que ele ia gostar de torcer pelo Coxa. AO contrário do Corinthians, o Coxa efetivamente sempre é roubado!

Leticia disse...

háháhaháhá..... Tadinho do meu pai!

Julia disse...

Leticia,

Alista de ir no banheiro publico me encantou! kkkkkkkkkkkkk

Julia disse...

Observei que o Fabio decorticou a lista e observei que ele é ciumento!!!!!!! Você é ciumento Fabio?????

Julia disse...

Leticia,

O conselho do Fabio é infalivel!

Fábio Max disse...

Júlia,

Sou ciumento, sim...

Julia disse...

Fabio,

Me diga que tipo de ciumes?

Julia disse...

Fabio,

Me diga que tipo de ciumes?

Fábio Max disse...

O pior que você possa imaginar... tipo assim, atração fatal!

Minha ultima namorada tinha um gato... eu disse TINHA, porque fiz tamborim daquele peludo de 4 patas que relava com ela todos os dias!

Ela também trabalhava numa empresa. Eu disse, TRABALHAVA, porque contratei 2 capangas (o Naziazeno e o Uandergleidesson) que foram lá e encheram de porrada todos os homens que trabalhavam na empresa e relavam com ela.

Ela também tinha amigas. Eu disse, TINHA, porque espalhei um boato de que ela dava em cima dos namorados dela, só para ela não relarem com ela.

Porque será que ela desistiu de namorar comigo heim?

Julia disse...

Fabio,

Acho que você é muito ciumento!

Eu ja encontrei pessoas ciumentas que ate das mulheres ele tinha ciumes!Ele era tão doente de amores, era obsecado que viajei pra 9000kms de distancia dele! lhe digo Fabio o ciume não é bom pode estragar um relacionamento!

Fábio Max disse...

Você leva à sério tudo o que eu escrevo?

Julia disse...

Fabio,

hahahahaha você tambem leva tudo a serio no que escrevi hahahahahahahahahahahahahahahah

ADOREI rararararararara

Fábio Max disse...

=)

Mas sou ciumento, sim...o gato dela que o diga...Deus o tenha!

Lets disse...

Hummm..... eu tenho aversão a gatos. Cachorro eu gosto da sociabilidade deles, apesar de não poder nem pensar em ter um, por causa do cheiro que invariavelmente têm (mesmo com todos os pet-shops da vida, eles sempre cheiram mal).
Mas gato, nem pensar!

Uandergleidesson disse...

Rendeu um churrasquinho legal e um tamborim da hora!

Lets disse...

Minha aversão a gatos começou quando eu tinha uns 18 anos, estava na Faculdade e andava a pé, como uma nômade, pela cidade inteira. Nessa época (RJ), a avenida Chile não era propriamente uma highway, e havia um concreto central, em que a gente podia andar, empoleirada. Numa dessas, vi um gato atropelado, com uns 200 metros de tripas assim, expostas (faço muito esforço pra contar isso). Depois desse evento, não posso ver um gato que me lembro da cena.